MAPA ASTRAL

domingo, 13 de dezembro de 2009

1339 CORPO E CULTURA


Assim, a “Medicina Ocidental”, por mais que se queira “objetiva” ou “científica”, funciona – como qualquer outro sistema terapêutico – como um sistema de significação, como um sistema simbólico, fornecendo sentido a um conjunto de fatos (comportamentos, acontecimentos, sensações, etc.) que não se integrariam na vida cotidiana do indivíduo.


Podemos dizer, então, que a eficácia de um tratamento não se refere apenas a curar um “sintoma”, mas também se refere a fornecer um significado, a dar um sentido. Ou seja, a eficácia instrumental é inseparável da eficácia simbólica.

Nenhum comentário: